Taguatinga shopping
Taguatinga Shopping…
O projeto Lixo Zero, em parceria com as empresas Recicle a Vida e Engaia, retira lixo orgânico da Praça de Alimentação e o transforma em adubo para os jardins do shopping 
Já pensou se os restos de comida, deixados nas bandejas, encontrassem uma destinação útil para além da lixeira da Praça de Alimentação? Com essa atitude necessária e inovadora, e com a consciência ambiental adquirida ao longo dos anos, o Taguatinga Shopping está fazendo sua parte para um mundo mais sustentável: em parceria com a cooperativa Recicle a Vida e a empresa Engaia, o centro de compras aderiu a um projeto de transformação de seu lixo orgânico em Composto Orgânico. A proposta do “Lixo Zero” é fazer com que o composto orgânico retorne à natureza de forma produtiva, adubando os jardins do próprio shopping. A iniciativa reduz, significativamente, o volume de lixo produzido que se acumularia nos lixões e aterros, impossibilitando sua biodegradação.
Passo 1 – Coleta do lixo na Praça de Alimentação e separação dos resíduos:

O processo começa nas lojas da praça de alimentação, com a coleta, em recipientes adequados, de restos de alimentos, verduras e frutas impróprias para o consumo, assim como seus talos e cascas. O lixo descartado pelos clientes após as refeições é recolhido e então dado início ao processo de triagem, realizada pelos colaboradores do shopping, separando os descartes recicláveis, líquidos e orgânicos em lixeiras devidamente identificadas. O material é destinado à empresa Engaia, localizada em Brazlândia, que inicia o processo para transformá-lo em Composto Orgânico, passando pelo processo de Compostagem: conjunto de técnicas aplicadas para estimular a decomposição dos materiais orgânicos, recuperando os seus nutrientes para levá-los de volta ao ciclo natural, enriquecendo o solo para agricultura ou jardinagem.

Passo 2 – Triagem do lixo molhado e transporte até a empresa Engaia, que inicia o processo de transformação do material em Composto Orgânico:
O processo da compostagem se completa em até quatro meses de tratamento e monitoramento técnico.
Passo 3 – O resíduo orgânico é misturado à materiais ricos em carbono (folhagens, podas) e é disposto em estruturas conhecidas como Leiras de Compostagem. O material, durante a transformação, tem sua acidez, umidade e temperatura monitoradas. Na primeira fase, ela deve ficar perto dos 40º e, na segunda, pode atingir até os 70º:
Ao final desse tempo, o material transformado em composto orgânico, volta ao Taguatinga Shopping na forma de adubo para a utilização nos solos e tratamento de plantas em seus jardins. “A transformação do lixo gerado pelo shopping e os benefícios dessa ação demonstram a nossa preocupação com a sustentabilidade e o nosso envolvimento com a Educação Ambiental, tão necessária na atual situação de degradação do nosso planeta. Esse é um projeto de grande valor para o empreendimento.” destaca a Superintendente do Shopping, Eliza Ferreira.
Passo 4 – Depois de passar pelo processo de transformação em composto orgânico, que pode durar até quatro meses,  o material é peneirado e transportado de volta aos jardins do shopping:
Hoje, cerca de 55% do lixo produzido no país é composto por resíduos orgânicos, dos quais apenas 13% são reciclados. Países que já reciclam mais de 50% do seu lixo orgânico: Alemanha, Bélgica, Suíça, Suécia, Reino Unido, França e Espanha.
Produto final, utilizado como adubo para as plantas dos jardins do Taguatinga Shopping:
Do óleo ao sabão
Além da transformação do lixo orgânico em adubo, o óleo descartado pelos restaurantes do shopping também é reaproveitado.  São aproximadamente 3.500 litros recolhidos mensalmente. O material é entregue à empresa EcoLimp, responsável pela fabricação de sabão em barra, sabão líquido e até mesmo biodiesel. O sabão produzido retorna, mais tarde, para uso nas lojas de alimentação e limpeza do Taguatinga Shopping.
Destino do Lixo Sólido
Depois de separado e avaliado, o lixo sólido é encaminhado ao aterro sanitário Ouro Verde.Você sabia?
Por mês, o Taguatinga Shopping gera, em média, de oito a dez toneladas de lixo orgânico úmido. Por ano, essa quantidade pode chegar a 180 toneladas. O projeto “Lixo Zero”, portanto, surge como uma forma de reutilizar grande parte desse material.Como ajudar
Para o chefe da limpeza do shopping, Valmir da Silva, o trabalho já tem gerado resultados. “O projeto tem sido gratificante. Ajudamos na geração de empregos e, principalmente, cuidamos do meio ambiente reaproveitando os recicláveis, evitando que eles sejam jogados em aterros sanitários e até mesmo na área urbana”, afirma.Quer ajudar? Basta ter o cuidado de separar bem o lixo na hora de descartá-lo nos compartimentos do shopping. Lembre-se: recicláveis não se misturam com orgânicos!
Conheça as cores e sinalizações para cada tipo de lixo:
Cuidado colorido
Você sabia que cada cor pintada nas lixeiras representa um material?Azul: papelVermelho: plásticoVerde: vidroAmarelo: metal

Preto: madeira

Laranja: resíduos perigosos

Branco: resíduos ambulatoriais e de serviços de saúde

Roxo: resíduos radioativos

Marrom: resíduos orgânicos

Cinza: resíduo geral não reciclável ou misturado, ou contaminado não passível de separação

Taguatinga Shopping