A casa, que nasceu com o conceito de gastronomia inclusiva, focada em celíacos e alérgicos à proteína do leite, cresceu e passou a atrair não apenas clientes com essas condições, mas também pessoas interessadas no sabor e na proposta saudável dos produtos, que ainda são livres de açúcar refinado, proteína de soja e conservantes.

À frente da confeitaria artesanal sem glúten e leite animal, chef Inaiá Sant’Ana lança programação especial para o mês de abril. Festival de quitutices, combos e burgers prometem dias mais saborosos aos clientes, que só aumentam.

Quando a pequena e charmosa Quitutices abriu as portas na 216 Sul, em 19 de abril de 2016, nem mesmo a criadora – a chef pâtissière Inaiá Sant’Ana – podia prever o tamanho do sucesso que a confeitaria artesanal alcançaria. No mês de seu aniversário de dois anos, o empreendimento especializado em preparos sem glúten e sem leite animal tem muito a celebrar.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A casa, que nasceu com o conceito de gastronomia inclusiva, focada em celíacos e alérgicos à proteína do leite, cresceu e passou a atrair não apenas clientes com essas condições, mas também pessoas interessadas no sabor e na proposta saudável dos produtos, que ainda são livres de açúcar refinado, proteína de soja e conservantes.

 

Chef Inaiá Sant’Ana

“Estou muito satisfeita, pois é um negócio que começou despretensiosamente e cresceu bastante. Sinto-me realizada porque tudo aconteceu de forma natural. É maravilhoso ver as pessoas nos procurando. E tenho aprendido muita coisa como empreendedora”, destaca Inaiá Sant’Ana, que tem planos de expandir a marca.

 

 

 

 

Para comemorar essas e outras conquistas que virão, a chef realiza, neste mês de abril, uma série de eventos na loja, com programação fixa às quartas, quintas, sextas e sábados. As quartas são dedicadas ao Festival Especial, com quitutices a preços promocionais a cada semana. Em 18/4, será a vez do Festival de Fatia, com saborosos bolos recheados e cobertos, a R$ 10,00 a fatia (R$ 6,00 a menos que o valor convencional). E no dia 25/4, a casa promove o Festival de Quitutices no Pote, com bolos e pavês, de R$ 10,80 por 7,00.

Além disso, durante todo este mês, a Quitutices oferecerá um combo para duas pessoas às quintas-feiras. Composto por 2 fatias de bolo do dia, 2 pães caseiros servidos com manteiga de coco e uma pasta do dia, e 2 bebidas quentes (cappuccino OU leite com chocolate OU chá Moncloa), custará R$ 62,00. No dia 19 de abril, aniversário de abertura da loja, o combo será acrescido de um brownie da casa com calda de frutas vermelhas.

Quitutices – Bolo de Pipoca caramelada_

Já às sexta-feira e aos sábados a marca terá novidades, com sanduichinhos a partir de R$ 15,00. Nos dois dias, a partir das 12h, haverá três opções diferentes de sanduíches especiais com pão feito na casa. Assim como tudo na loja, todos sem glúten e sem lácteos.

 

Aniversário de Brasília

No sábado (21/04), a Quitutices também oferecerá um Combo Especial para duas pessoas, composto por 2 fatias de bolo do dia, 2 pães caseiros servidos com manteiga de coco e uma pasta do dia, 2 bebidas quentes (cappuccino OU leite com chocolate OU chá Moncloa), e um brownie da casa com calda de frutas vermelhas, a R$ 62,00.

Quitutices: uma ideia que nasceu do amor

A confeitaria artesanal é uma continuidade do trabalho da chef pâtissière Inaiá Sant’Ana, que começou atendendo em casa, sob encomenda, a partir de novembro de 2014. O incentivo de substituir ingredientes por outros mais saudáveis veio com o nascimento da filha, que manifestou sintomas de alergia ao leite quando ainda era bebê e hoje possui seis anos de idade.

A partir daí, Inaiá começou a observar o mercado e percebeu que Brasília não oferecia essas opções. A cozinha da confeitaria é exclusiva para manipulação de ingredientes livres de leite e glúten. Assim, não há risco de contaminação cruzada. Com um vasto cardápio que inclui delícias como bolos, brownies, brigadeiros, cookies, tortas mousse, bolos de pote e a criação constante de novas receitas com memória afetiva, a casa utiliza matérias-primas como leite de coco, leite de castanhas e farinhas sem traços de glúten. O chocolate utilizado é o Tnuva 56%. Para adoçar, são usados açúcares demerara (com baixo índice glicêmico e sem refinamento e sabor residual), mascavo e mel.

As encomendas são o carro-chefe da Quitutices, com itens para o dia a dia e para festas. Em razão desse conceito, a loja na Asa Sul foi montada em um formato menor, para encomendas e aulas, com um balcão e apenas quatro cadeiras. Entretanto, o ambiente despertou o interesse das pessoas, que começaram a ocupar o espaço e pedirem para apreciar as receitas no próprio local. Por isso, foi construído um espaço nos fundos da loja com mesas e cadeiras. Há produtos para pronta-entrega diferentes a cada dia.

Ao longo desses dois anos da marca, foram muitas as conquistas. A chef ampliou o cardápio, abriu as portas para cursos abertos ao público, assim como participou de workshops e aulas-show a convite. Inaiá também foi escolhida para assinar a parte de sobremesas da obra Não contém leite: o livro de receitas do APLV, da jornalista Paula Andrade. Em novembro de 2017, a Quitutices lançou, em parceria com o Instituto Ninar, o projeto Quitu na Kombinha, em que jovens autistas têm a oportunidade de se desenvolver por meio da venda de quitutices na kombi azul que funciona como “food truck”.

 

Quitutices

CLS 216, Bloco A, Loja 12, Asa Sul – Brasília/DF; (61) 3543-5057/ (61) 98303-5396 (WhatsApp). De terça a sexta, das 10h às 19h30. E sábado, das 9h30 às 18h.

Siga:

https://www.instagram.com/quitutices/?hl=pt-br